© 2019 Projeto Pirapitinga.

OUTROS ANIMAIS

Mamíferos

Vários mamíferos estão sendo registrados por nossas armadilhas fotográficas nas áreas monitoradas pelo Projeto pirapitinga, entre eles, onças, veados, tamanduás, raposas, paca, cateto, etc.

Serpentes

O Cerrado abriga 51 espécies de serpentes das quais 32% são endêmicas do bioma. Suas espécies cumprem importantes funções ecossistêmicas, em especial o controle populacional de níveis tróficos inferiores.

O Cerrado é o segundo maior domínio fitogeográfico do Brasil, cobrindo 25% de sua área e abrigando um terço de sua biodiversidade.

 

Estima-se que posssua 6000 espécies de árvores e mais de 800 de aves sendo que 40% das espécies arbóreas são endêmicas.

As diferentes formações vegetais compreendidas pelo Cerrado, que vão de campos a florestas com elevada densidade arbórea, abrigam diversas formas de vidas animais.

Diversos serviços ecossistêmicos são desempenhados por animais do Cerrado como a dispersão de sementes, controle de pragas e aeração e ciclagem de nutrientes no solo.

Invertebrados aquáticos

Trichoptera

Diversas espécies de insetos utilizam ambientes aquáticos durante alguma fase de suas vidas. A ocorrência de alguns tipos é indicadora de qualidade ambiental.

Na foto, a cópula de trichopteras na mata ciliar, inseto bioindicador de boa qualidade de água.

Pássaros

Soldadinho Antilophia galeata (Lichtestein, 1823)

No Cerrado podem ser encontradas 935 espécies de aves, dessas, 787 são encontradas também em outros ambientes, e 148 espécies são endêmicas deste domínio fitogeográfico. Algumas aves são bem características de determinadas fitofisionomias e extremamente dependentes dos rios com matas ciliares preservadas, como o Pato-mergulhão, Socó-jararaca, Soldadinho e a Ariramba.

Referências

Scariot A, Sousa-Silva JC, Felfili J. (eds) Cerrado Ecol. biodiversidade e Conserv. Ministério do Meio Ambiente, Brasília, pp 95–103.

Nogueira C, Ribeiro S, Costa GC, Colli GR (2011) Vicariance and endemism in a Neotropical savanna hotspot: distribution patterns of Cerrado squamate reptiles. J Biogeogr 38:1907–1922. doi: 10.1111/j.1365-2699.2011.02538.x